27 de janeiro de 2015

(A)provei #3

* Post patrocinado por mim mesma. As imagens são apenas ilustrativas.

Nunca me dei bem com o leite de vaca. Não gosto de leite com açúcar. Não gosto de leite com mel. Se for quente, ainda pior. Há muitos anos que deixei de beber leite gordo e meio-gordo. Passei a beber apenas leite magro. Há tempos, por não ter outro, tentei beber meio-gordo com café e mesmo assim não consegui, fico muito enjoada.

Há algum tempo, li sobre os malefícios do leite e, devido ao facto de este ser associado a alguns problemas de saúde, comecei a experimentar alternativas - «leites vegetais». Já experimentei a bebida de arroz, aveia, amêndoa, côco, avelã, soja... Acho que a que mais gostei, por não me saber a nada, foi a de arroz. As outras têm sabor ou são demasiado doces e já não gosto tanto, acho-as mais enjoativas. A de soja, em particular, acho-a muito doce e só gosto de uma determinada marca (já experimentei várias), mas, por ser a mais barata e mais fácil de encontrar no supermercado, a de soja é que mais bebo.

Vejam a lista de ingredientes destas bebidas (o primeiro é aquele presente em maior quantidade) e constatarão que o primeiro ingrediente da lista é... água. Não percebo por que razão uma bebida que é em grande parte água é tão cara. Também podiam reduzir a quantidade de açúcar. Ainda assim, para mim, são alternativas melhores que o leite.

Por outro lado, há também quem fale dos malefícios da soja, por exemplo. Enfim, não sabemos qual será a melhor escolha e nem vale a pena discutir o assunto porque parece que tudo o que nos faz bem também nos faz mal. No meu caso, é um facto que não me dou bem com o leite, por isso vou procurando alternativas. E vós?

6 comentários:

  1. Artigo muito interessante,por acaso tenho um artigo no meu blogue a falar sobre isso.

    Isto de fazer male não fazer emfim tudo faz mal... desde que seja consumida em excesso.!

    Na minha opinião temos de beber o que nos faz sentir bem e que não nos faça mal, desde que não seja em exgero.

    Deixei de beber leite já alguns anos perdi 50 quilos então com o tempo verifiquei que me sentia muito inchada e então deixei o leite e senti logo diferença.

    Leite de amêndoas,arroz, aveia não gosto são muito doces e o de arroz te um sabor que não me agrada.

    O de soja da alpro bem fresquinho é o que bebo de vez em quanto e gosto muito pois das outras marcas são muito doces, mas recentemente optei por experimentar leite de vaca mas biologico da agros é fantastico e sinto me lindamente.
    O sabor é igual ao normal mas por ser biologico faz alguma diferença e eu sinto logo.

    Não bebo muito e 1 pacote dame para 1 semana ou mais portanto sempre que me apetece bebo um pouco e deixa me feliz:)

    Beijinho grande

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vanessa, obrigada pela sua opinião e parabéns pela sua força de vontade.
      Já depois de escrever este post comecei a beber leite sem lactose (definitivamente, não me dou bem com a lactose). O sabor é muito parecido ao normal, mas acho-o muito doce. Tenho experimentado marcas diferentes mas ainda não encontrei o tal. Já pensei no leite biológico, mas não gosto muito do sabor nem do cheiro do leite e tenho receio de também não gostar desse. Continuo na minha procura, mas eliminei o leite normal de vez da minha alimentação.
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Concordo contigo...nós não devíamos continuar a beber leite depois da fase da infãncia...não há necessidade...

    ResponderEliminar
  3. Foi com interesse que li o seu artigo, pois eu também há muito que optei por substituir o leite de vaca, por outras bebidas. Posso esclarecer que as bebidas vegetais, são caras, pois para obter 1 litro de leite vegetal é necessario um grade quantidade de frutos secos e estes são caros.
    Também já provei varios sabores e estou de acordo consigo, são demasiado doces, mas existem marcas de bebidas vegetais sem açucar (Ecomil, por exeplo ou Oatly, mas estes são especializados em leite de aveia).
    Arroz, aveia, avelã, etc. são opçÕes saudáveis, mas é como tudo. Bom com moderação, em excesso tudo se torna veneno, até o desporto ou os 'superalimentos'. O que é mau ou bom, cada um sabe o que lhe convém. O que é bom para mim, pode não o ser para si.
    Obrigada por partilhar a suas receitas bem interessantes. Fico à espreita.
    Atentamente
    Sandra

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela partilha, Sandra! Concordo plenamente, a palavra de ordem é moderação. Ultimamente tenho feito o meu leite vegetal. :)

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...